<$BlogRSDUrl$>

Vareta Funda

O blog dos orizicultores do Concelho de Manteigas


sexta-feira, setembro 10, 2004


De orelhas em pé - XV

Comemorando o autêntico primeiro aniversário deste belogue, venho trazer-vos a última (?) encarnação de um fado muito português. Tentem perceber a diferença entre ISTO, ISTO e ISTO. Podem procurar à vontade, que o resultado é o mesmo - o mais esperado lançamento em DVD de sempre, os filmes que maior culto arrastam atrás de si desde que estrearam nas salas de cinema, vão ser postos à venda em toda a Europa a preços que rondam os 50 Euros. Toda, salvo seja: no extremo ocidental, há um pequeno país que teima em resistir à lógica do mercado e em que distribuidores se aproveitam da sua situação de quase monopólio para inflaccionar os preços das suas representações.

Explicações para isto haverá muitas, mas não me apetece ser exaustivo e vou directo à que me parece ser a principal: nos últimos 20 anos, o ganho de poder de compra dos portugueses gerou um novo-riquismo disparatado e todo-poderoso. As empresas sabem disto, e associam estes consumidores a uma estupidez infinita e a uma incapacidade atávica de cuidar do seu dinheiro, comparando preços. Quero, posso e levo, custe o que custar - então, porque não carregar no preço?

Alguns de vós poder-me-ão dizer que os custos associados a produzir um DVD para a língua portuguesa são superiores aos custos de produzir para francês ou espanhol, porque terão de ser amortizados num número de unidades necessariamente menor. Até lhes daria razão, não fosse o caso da edição portuguesa ser a mesma que para os antigos países de leste (Polónia, Bulgária, Roménia, etc.) e lá custarem os mesmíssimos 50 Euros (podem confirmá-lo AQUI). Ficam os 20 Euros para cobrir o diferencial de custo de produção das capas. Acham crível?

Arrotos do Porco:

O quê?


Bom dia.



Eu não acho. Bom dia a todos.


Bom dia a todos? Só estou cá eu... iuu Nuíííítaaaaaa!


Eu para ti estou morta, FPM.
Estava a cumprimentar os visitantes vindouros.



;o)


Muito bem apanhado, mas também nós temos um Velhote que cada vez "ouve melhor" com as suas orelhas em pé!
4 contos de reis para mim ainda é muito dinheiro e eu sou daquelas que vai precisando do euros para outras coisas e acreditem que não não é uma questão de opção deixar a cultura para útimo lugar. Ainda por cima neste caso, cá em casa nem é tanto uma questão de cultura mas sim de culto a George Lucas.Depois não querem que se faça piratia...



FPM matas-te a Nuíta? De coração?
Bom dia Nuíta, bom dia FPM.



Quanto ao assunto do poste, mais uma coisa. Acontece o mesmo aos produtos do IKEA, por exemplo, e estes não têm traduções, nem capas, nem custos altos por nós sermos em menor número. Muito bem lembrado, Menir Calém.


Bom dia, Anita. Que tal as férias?


De qualquer maneira, não se esqueçam, eles vendem-se e melhor e em mais quantidade (em porporção que nos outros Países) Somos assim em muitas coisas. Porque será?


Reparem nos telemóveis. Quantas pessoas ao pé de vocês têm topos de gama a custarem acima de 500 Euros? Que suportam UMTS e têm mais aquela funcionalidade XPTO que o outro não tem (que por acaso ainda não serve para nada, mas isso não interesa) e sobretudo que tocam músicas horríveis em tons altíssimos?
Ao menos o Guerra das Estrelas ainda vale a pena...



As férias foram curtas...mas só acabam domingo!
Como nunca tenho sol de manhã tenho vindo aqui espreitar-vos, esta semana que já estou por cá, depois de tarde vou apanhar conchinhas e pedrinhas alguém quer vir?



Bom dia, cromolitografia!



Hoje é dia! de S. Nicolau Tolentino, esse grande cavaleiro das estrelas.



Nuíta, ressuscita, por favor... eheh É uma ordem!

Bom dia, Anitinha!

O Menir tem toda a razão na questão de que esta merda é uma parolada pegada. Toda a gente quer ter TUDO! Se podem ou não, não interessa, para isso existem os créditos pessoais. Toda a gente se queixa da puta da renda da casa, do preço dos autocarros ou metro, mas andam com telem. de topo de gama e automóveis potentes. E é ferias no caralho mais velho e jantaradas nos rest. + caros. Que fazer? O estado devia controlar os créditos pessoais. Como? Sei lá, não sou economista, mas há formas, concerteza!
Em relação à FNAC, meus amigos, acho que não é uma instituição de caridade...



finO, mete o santinho no cu, pá...


Uma grande parte das pessoas avalia e é avaliada pelos sinais exteriores de riqueza, foram "apanhados" pela sociedade de consumo e pelos novos valores.

FPM, não gramo receber ordens mas, como é para ti, já me estou a materializar :o)



Fêzinho, pá, não estás a atingir o real alcance disto. Vai dar uma voltinha pelos sites que conheças e vais constatar que não é só a FNAC - é a Amazon, é a DVDGo, é o que tu queiras: Portugal é a excepção europeia. E não creio que isso seja responsabilidade de nenhum retalhista em particular, mas da distribuidora que decidiu furar o esquema europeu de preços para meter mais umas coroas ao bolso com os portugas. É, entre outras coisas, uma afirmação da parte deles: "vocês são mais estúpidos que o resto dos europeus e por isso nós vamos ganhar mais dinheiro com vocês, apesar de sabermos que vocês têm menos".


Bons dias.

Boa, Pedruço. Não queres fazer aí uma comparação de mercado para descobrires o melhor banco para eu fazer um empréstimo para compra de habitação própria permanente? É que tou mesmo a precisar de comprar uma barraca...

FêPêMê, concerteza não existe, pá.



Obrigado, Nuíta, eu sabia que a sala de Teletransporte iria ser útil.


Bom dia.

Belíssima posta, Menalho do caril.
Muito pertinente.
É de facto impressionante. Impressionante o que se gasta nesta terra com paneleirices várias quando não se tem massa para as pagar a pronto, e impressionante o que se chula neste país.

E o que dizia o fpm dos carros é uma grande verdade, ainda para mais se virmos que os panascas dos olés aqui ao lado têm um parque bem mais envelhecido que o nosso e que um carro médio familiar poder ter à volta de 5.000 euros (!!!!!!!!!!) de diferença (para menos, e em Espanha, claro).

Poderemos usufruir da livre circulação de mercadorias da união Europeia e ir lá comprar um carrito por menos 1.000 contos? NÃO! O Estado não deixa. Se querem ter carros cá, paguem o Imposto Automóvel. São só umas largas centenas de contos a mais. Mas mesmo assim, continuamos a ter melhores carros que eles.

Se o próprio Estado incentiva este chulanço generalizado num país onde se ganha mal (em termos relativos), porque não haverão os filhos da puta da FNAC de chular também.

Aqui há um ano fui a Madrid. Tinha acabado de sair o último CD dos White Stripes. Cá ainda não tinha chegado. Lá já. Chegou antes e eu estava lá e comprei.
Um mês depois vej-o na FNAC do Chiado. Eram só mais 4 euros. 800 mérreis, senhores! Vou comprar um CD de um grupo espanhol 'da moda', custa-me 12 euros, na FNAC espanhola. Vou comprar o último dos Da weasel e custa-me na nossa FNAC, 16 euros, e som sorte, que está em promoção, por trás estavam 18€ riscados a caneta.

CHULOS! é o que é.

Santana, amostra de diva, amocha e baixa o IVA!

Passainde bem.



Foda-se, chOURAS,achas que essa merda tem interesse? Concerteza que não, não é? Bom dia para ti.

Menir, e depois? Os gajos analisam os mercados e fazem a política deles. É lógico que tu e outros se preocupam com isso (e obrigado por nos pores ao corrente) porque sabem avaliar as situações, mas o "grosso" (que caralho de termo) do people compra e cala. E eles não são nenhuma instutuição de caridade, estão cá para ganhar dinheiro...



chOURAS, se fazes favor, quando estiver contigo aí em baixo, lembra-me para te dar um estalo, se não fôr maçada... (Concerteza que não é)


E estou com o fin0. Por uma vez estamos de acordo: hoje é dia de S. Nicolau Tolentino, confessor. Olé!

Mas eu cá não meto santinho nenhum no cu. Isso é lá com o fininh0.



Corre, corre, sem ter pés,
dá-te na cara e não o vês.
O que é?



Não sei se me vou lembrar, FêPêMê...

Com certeza que não me lembrarei.

E olha, és pai de uns garbosos catraios, pá. Já lhes vi a fronha e são muita giros!

Quem diria, hem? Vindos de quem vêm...



Se baixassem o IVA nos produtos culturais já se notava uma diferença abissal, ó caralho.

Se arranjassem um IA como Deus manda, já se notava também.

Se fizessem as empresas pagar IRC a tempo e horas, já se notava, cona.

É como eu digo, enquanto não derem saúde, educação uma fiscalidade decente a esta terra isto nunca se vai desenmerdar.

Mai nada.



Os preços da cultura em Portugal estão cada vez maiores.

Ainda o outro dia li um artigo que falava exactamente sobre o que os preços elevados de alguns produtos comparativamente a outros países devido em muita parte aos estupores dos distribuidores.

Enfim, nada como esperar por uma promoção.

Bom dia!



É isso, Bock. Mai'nada!

chOURA, obrigado!



é por isso que pirateio tudo...

a 0,30 € cada DVD virgem e a 0,15 € cada caixa....

viva a pirataria...

desde 1994 que não compro nem um CD!



Outra coisa que não se percebe é como é que ainda há gente que compra artigos fora de altura de saldos...


Vento suão!, obrigado...
Pela doce companhia
Que em teu hálito empestado
Sem eu sonhar, me chegara!

toudoida!



E fazes tu muito bem, céuzinha.


Amantesnocéu, pá,







































engoles?



Desenmerdar de certeza que não existe, mas enfim.

chOURAS, eu também vi os gaiatos. E fiquei perplexo! Cá para mim não são filhos dele. Não pode ser. Ou então a beleza da mãe será tal que abafa toda a fealdade do pai!

Menir: e não valerá a pena mandar vir os CD's da estranja, mesmo pagando portes? Se fosse o caso, era de aproveitar, e depois mandar um mail à FNAC.pt a dizer isso mesmo.



No mercado o mais eficiente dos protestos é a não aquisição.


A FNAC que ponha os DVDs da "Guerra das Estrelas" a 1000 €! Será uma opção tão legítima como a 50 €. Quem acha que essa trilogia é o supra-sumo da cultura e do culto, não deve olhar a essas ninharias.

Os cultos que paguem a crise.

Ensinar tantos alienígenas mutantes a falar inglês sem sotaque extra-galáctico, tantos diálogos profundos e filosóficos sobre o Nada, tanto vácuo a ser forçado a percutir o som de naves a explodir, tantas naves caríssimas a serem espatifadas nesse nenhures espacial metáfora da A1, tudo isso tem que ser bem pago.

50 € (100 pintores) não pagam a espada do Darth Vader.



E o Panão do golfista, grama de enfiar Tolentinos nos buracos!


Cá para mim, houve ali intervenção externa...

O FêPêMê anda a riscar as paredes e nem desconfia...

Mas salta à vista.



A isto chama-se ~julgar que se tem a Verdade no bolso e assim sendo Olhar para a Árvore sem ver Floresta.
Os imbecis que paguem a crise!



Fosca-se!
E é nas alturas dos saldos que um gajo vê o quão chulado que é fora de saldos!!!!!



Fedúncia, tens as mamas grandes?


Sexta-feira à noiteSexta-feira à noite
os homens acariciam o clitóris das esposas
com dedos molhados de saliva.
O mesmo gesto com que todos os dias
contam dinheiro, papéis, documentos
e folheiam nas revistas a vida dos seus ídolos.

Sexta-feira à noite
os homens penetram suas esposas com tédio e pénis.
O mesmo tédio com que todos os dias
enfiam o carro na garagem, o dedo no nariz
e metem a mão no bolso para coçar os tomates.

Sexta-feira à noite
os homens ressonam de borco
enquanto as mulheres no escuro
encaram seu destino e sonham com o príncipe encantado.







Bom dia a todos.



E assim se passa o fim-de-semana do lindinho...


chOURAS e Bock, podem começar a tremer... A vingança será, no mínimo, "terríbel"...


Ó lindinho, ainda não é noite e já tás com o cebolinho inchado, mete lá outra vez a Marina Colasanti no cu e vai dormir.


(AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!)


Foda-se, e o PANÃOZÃO do Vareta que não há maneira de aparecer!
Alguém sabe do gajo?



E sonha panão, sonha com o príncipe encantado!


O coração do fpm é como um cubo de gelo. Derretido é como o cérebro do fininh0.


AHAHAHAHAHAHA


uiuiuiui ó pa mim a tremer , aiaiaiaiai, devia ter trazido o Xanax, foda-se, agora vou ficar nervoso todo o santo dia


Tu também tremes, chOURAS?

O Vareta, se a memória não me falha, tá em missão secreta, fora da capital.

Ando semi descarrilado e já não me lembro se foi esta ou na semana passada. O tempo voa mais depressa cu concorde, 'Ministro'!

Burps.

Vou ali meter qualquer coisinha no estômago.



Bom dia!

Chego aqui e mudo logo de disposição! Ah!!! A vara!!!

Menir, pá, o problema mais grave disto tu é que tu tens razão. Bem que podias ter escrito uma coisa maluca para ficarmos contentes com a tua falta de pontaria.

Mas a verdade é que o primeiro mal de uma sociedade é a ignorância e aí... Nós somos o máximo, somos os maiores! Nem a Grécia nos papa, desculpa Papa, não é nada contigo.

Bom dia.

PS: Anita, acaba lá com as férias que o País não está para férias!



Bock, TU vais levar com um taco nas costas e o chOURAS vai levar com um taco no cu! Tu vais detestar e o chOURAS vai adorar...


UAI!


WHY?


Ehhhhh, g2 do cacete!
Chegou o Gandalf da Lezíria!!!!!
Ehhhhhhhhhhhhh



Oh My!


g2, já mandaste fazer a bata nova?


Para mim, este tema não poderia ser melhor descrito e evidenciado!

Para mim era todos os portugueses na altura de irem comprar carro, fazerem uma espécie de greve e irem ao estrangeiro comprar os carros...e pagavam os impostos sobre isso normalmente!

Eu queria era ver depois, as companhias automóveis que estão sediadas em Portugal por ex. a começar a estrebuchar e a fazer pressão no Governo! Aí sim...

Boa Menir!
(p.s. - nem tinha visto que tinhas postado...)



No estômago, diz ele para disfarçar.


A não aquisição. É o mais eficaz, concordo vaca.




À laia de p.s. Abre os olhos vaca mimosa!



Por acaso era do caralhão! Organizar um dia de "não-consumo" só de aviso.


Ó FêPêMê, pá, se me ameaças com o taco irás gostar do bastão de baseball que tenho aqui guardado para ti...


Atenção À malta de lisboa:
Este fim-de-semana há uma corrida espectacular, ao pé do Parque Ed.VII, de carros feitos à mão, uma cena que tem dado na TV, organizada pela Red Bull. Tenho pena de não ver, porque faz parte do meu "imaginário", aqueles carrinhos de rolamentos que um gajo fazia quando era puto. As crianças (e os adultos, claro!) iriam adorar.



Ehhhhh,
olha o Mimosa
de flor na boca,
a porca aleivosa
guincha até ficar rouca!



E a malta que tá em Lisboa mas que não é de Lisboa? Também pode ir? Mas olha que o Parque parece-me bastante suspeito...


chOURAS, chOURAS,


































Já sabes o que fazer com o taco... eheh



O Mimo postou.


Só é suspeito para ti, que andas lá sempre de gabardine e escondido nos arbustos, ahahahahahah!!


Agora é que eu vi! Ó lindinho, junta-lhe dois dedo de Bushmills que eu bebo à tua saúde mental, seu panasca deprimido.


Ao FPM, tudo o que meter Parque Eduardo VII, deixa-o logo a salivar profusamente.
Até podiam fazer uma corrida de lesmas, ou uma prelecção do Exército de Salvação que ele ia logo a correr ver. se calhar precisa que lhe abram os olhos. Todos os três! :D
Também ouvi falar nessa senaita. Mas, domingo às 3 da tarde? Dasss.... Espero não estar em Lisboa a uma hora dessas! :)



Olha meste a disfarçar! "Faz parte do meu imaginário", Parque Ed.VII, carros feitos à mão, "imaginário"...




<< Voltar ao repasto.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?